Roberto Colistete Jr.

Blog sobre computação científica e móvel : Mathematica, Python, CUDA, smartphone & tablets, Linux, etc

Tablet de 2007 x tablets atuais : quem ganha ?

Posted by robertocolistete em 10/03/2012

O que é melhor, um tablet de final de 2007 ou os tablets iPad e Android atuais, com 2 a 4 cores ?

Bem, a pergunta não faz sentido pois está muito ampla. Porém se formos perguntar qual tablet é melhor para programação (científica), o Nokia N810 com Maemo 4 OS de final de 2007 vence com folga ! Vejamos as vantagens dele :

  • tem teclado qwerty completo, com 4 fileiras de teclas;
  • tem Linux móvel completo, o Maemo 4 OS, com kernel, X Windows, ssh -X, glibc, muitos softwares “sérios” (adaptados de Linux desktop, como AbiWord, Gnumeric, wxMaxima, etc), muitas linguagens de programação nativas (C/C++ via gcc, Python 2.5, etc), Easy Debian (OpenOffice, GIMP, wxMaxima, LaTex, etc), etc. iOS e Android não são Linux completo, não tem compilador C/C++ nativo, não tem LaTeX completo (com compilador);
  • Python 2.5 com : IPython 0.10.2 (de 04/2011, o melhor ambiente interativo para Python), SymPy 0.7.1 (de 07/2011, um CAS – Computer Algebra System completo para cálculos simbólicos e numéricos, como integrais definidas ou indefinidas, equações, etc), Python Numeric (antigo, na falta de NumPy), Uncertainties 1.8 (10/2011, para cálculos com incertezas e progração de erros), etc. Desses, só SymPy e Uncertainties (com instalação manual) funcionam no iOS e Android, com interatividade (bem) pior, vide matéria sobre “SymPy para smartphones & tablets“;
  • wxMaxima 0.7.6 (de 2008, outro CAS com interface fácil de usar, gráficos 2D e 3D) e NSP (de 2008, tipo MatLab, com cálculos numéricos e gráficos 2D e 3D). Nenhum deles está disponível para iOS e Android;
  • Integral, que faz uso de SymPy com interface de fácil uso (vide também Derivative e Limit). Android e iOS não tem software equivalente ao Integral para calcular integrais simbólicas/numéricas em 1D/2D/3D.

Bem, o Nokia N810 começou a vender meio tarde no Brasil, em 2009, mas em 08/2009 ficou acessível custando novo uns R$600 em boas lojas, mas parou de vender no Brasil em 2010-11. Hoje usado custa uns R$200-600 no Mercado Livre.

Fica a lição, a seta do tempo nem sempre implica em evolução*.

(*) : o sucessor do N810, o Nokia N900, também é smartphone e evoluiu em quase todos os aspectos em relação ao N810. Fica para outro artigo falar sobre o N900 para programação científica.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: